[Cevdopagem] Politica Nacional Antidoping

Alvaro Ribeiro alvaro em cev.org.br
Domingo Março 28 00:47:23 BRT 2004


Fpolis, 28 de marco de 2004
  Ja' foi dito que "a complexidade do tema (doping) aliada 'as novidades
introduzidas pelo Codigo (Mundial Antidoping) podem efetivamente
representar aos atores do mundo esportivo o risco de violacao de regra
antidoping por falta de informacao" (Codigo Mundial Antidoping: etica e
fair play no esporte olimpico, IV FO CTBA). Bom, nao precisava ser genio
:)) ... O 'Soouth African Institute for Drug-Free Sport'
www.drugfreesport.org.za realizou uma enquete antes da entrada em vigor
das novas regras antidoping em 01/01/2004. Resultado: 63% das pessoas
(nao se sabe o universo; as pessoas, presume-se, ligadas ao mundo
esportivo) nao tinham ouvido falar no Codigo Mundial Antidoping.
  Em outro contexto (anterior), um ensaio que o Caio Bagaiolo (aqui da
lista) co-elaborou, ja' sustentava que os atletas do mundo inteiro
“desconhecem o real sentido dos Jogos Olimpicos. A falta de referencial
pratico para uma outra postura dos atletas e a desinformacao cultural
sobre essa tematica com certeza contribuem para isto” ('Os Jogos
Olimpicos sobre o olhar de atletas brasileiros' - Coletanea de textos em
estudos olimpicos. Rio de Janeiro: Editora Gama Filho, 2002, que pode
ser encontrado em algum lugar em http://www.cenesp.uel.br/olympic.html).
  Ora, o artigo 45 da Carta Olimpica (Codigo de Admissao com as alteracoes
de 4 de julho de 2003) determina que, "para serem admitidos nos Jogos
Olimpicos, os atores do esporte devem se adaptar 'a Carta Olimpica assim
como 'as regras da Federacao Internacional respectiva e, notadamente,
respeitar o espirito de fair play e de nao-violencia, comportando-se de
acordo com este entendimento, e respeitar o Codigo Mundial Antidoping,
conformando-se a todos os seus aspectos".
  A julgar por alguns 'cases' recentes da cena esportiva internacional, a
implementacao de uma Politica Nacional Antidoping (dentro da Politica
Nacional de Esportes , da Politica Nacional Anti-drogas, ou 'a parte,
nao importa) poderia levar a uma reversao deste quadro de desinformacao
e deseducacao atraves de abordagens 'positivas' (acoes que facam parte
de uma estrategia criativa para a promocao do esporte sem drogas, da
etica, do fair play e por ai' vai... ACEITA-SE SUGESTOES NESTE SENTIDO!

Alvaro http://www.cev.org.br/qq/pagina.asp?cod=8626




Mais detalhes sobre a lista de discussão cevdopagem

© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.