[Cevcirco] USP - Clinica de Movimentos Acrobáticos de Capoeira

Laercio Elias Pereira laerciocev em gmail.com
Sexta Abril 25 11:39:54 BRT 2008


psi - Laercio
.............................
De: Secretaria de Cultura e Extensão da EEFE-USP <edfisica em usp.br>    ocultar
Assunto  [Educaeefe] USP - Clinica de Movimentos Acrobáticos de Capoeira

Clinica de Movimentos Acrobáticos de Capoeira e Ginástica Olimpica

Local: CEPEUSP (Centro de Práticas Esportivas da Universidade de São Paulo)
Data: 10 e 11 de Maio de 2008
Programação: Sábado das 8 as 18hs e domingo das 9 as 13hs
Objetivos: promover a aprendizado e o aperfeiçoamento das técnicas
acrobáticas da Capoeira.
Inscrição: 50,00 (Cinquenta Reais)
Informações: 11-3091-3304
Vagas Limitadas!
Coordenação Mestre Gladson, Professor Vinicius, Professor Leandro Romualdo

Por que participar?

A Capoeira é uma arte marcial que tem como característica a presença
dos movimentos acrobáticos. As acrobacias como são conhecidas, na
verdade, são uma parte desse jogo que tem como movimentos principais
os ataques, as defesas, os contra ataques, os movimentos ritualísticos
(como as chamadas de Angola) e os movimentos de chão.

Dentre os movimentos acrobáticos podemos destacar a Parada de mãos, a
Parada de cabeça, o Bico de papagaio, o Flic, flac, o macaco, o
S-dobrado, o Aú giratório, o Salto Mortal, o Quipe de cabeça e de
nuca, o Pião de cabeça, o Relógio, a Queda de rins, entre muitos outros.

Os movimentos acrobáticos contribuem com a beleza e a plasticidade do
jogo da Capoeira. Quando pensamos em acrobacias não devemos pensar em
eficiência do jogo e sim em arte e expressão. O importante é executar
as acrobacias em harmonia com os demais movimentos. Um jogo, onde o
capoeirista executa apenas movimentos acrobáticos não pode ser chamado
de jogo de Capoeira. Mas um jogo com ataques, defesas e
contra-ataques, onde são realizados alguns movimentos acrobáticos
torna-se um jogo bonito de admirável.

Os movimentos acrobáticos possuem diferentes graus de dificuldades.
Alguns são mais fáceis de executar, outros mais difíceis. A execução
destes movimentos exige do praticante uma boa dose de força, potência,
flexibilidade, resistência cardio-respiratória, técnica e coordenação
motora. Com certeza a técnica é o elemento mais importante, pois ela
diminui em muito o esforço para a execução da acrobacia.

Os movimentos acrobáticos de maior complexidade devem ser aprendidos
dentro de uma seqüência pedagógica, que vai do simples para o complexo
e do parcial para o total. É como um caminho a ser percorrido e que dá
maior segurança ao aluno. Querer fazer um salto mortal completo já na
primeira tentativa pode ser muito arriscado e pode levar ao
acometimento de lesões musculares e articulares. Por isso, existem os
educativos que levam o aluno a entender gradativamente a dinâmica do
movimento, sentindo-se aos poucos mais seguro para realizá-lo.



-- 
Laercio Elias Pereira
http://ligcev.com/laercio
(82) 9913 8811 - Maceio'


Mais detalhes sobre a lista de discussão Cevcirco

© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.