Fw: Uma situação constante na vida do atleta

To: <"Undisclosed-Recipient:;"@araci.terra.com.br>
Subject: Fw: Uma situação constante na vida do atleta
From: "Alcir Magalhaes Filho" <alcirmf@xxxxxxxxxxxx>
Date: Tue, 18 Feb 2003 23:14:37 -0300

WORKSHOP
Segue artigo veiculado no Diário do Basquete.
Considero o artigo do Diário do Basquete, escrito pelo Bruno Lima pertinente no 
que se refere aos direitos e deveres entre as partes, abrangendo um assunto 
delicado que hoje vem afetando a maioria das equipes do Brasil, sejam elas de 
pequeno, medio ou grande porte .
Entretanto não posso deixar de ressaltar e não tenho qualquer procuração para 
defender o grupo Universo, que essa instituição merece o maior respeito pelo 
que tem feito pelo basquete brasileiro e sempre honrou seus compromissos com 
seus profissionais do basquete, digo isto com conhecimento de causa .
A Universo hoje sem sombra de duvida é a instituição que mais investe e apóia o 
basquete de nosso país, haja visto a estrutura que oferecem, para seus atletas, 
técnicos e demais profissionais da equipe, possoestar enganado talvez a melhor 
do país.
Problemas existem em todas as organizações, ainda mais dentro da situação de 
transição econômica que o país atravessa , acho que o momento é de serenidade e 
de apoio de todos os seguimentos, àqueles que investem no basquete , como a 
Universo, de forma séria e profissional. 
Atenciosamente ,
Alcir Magalhães Filho 
----- Original Message ----- 
From: Diário do Basquete 
To: undisclosed-recipients: 
Sent: Tuesday, February 18, 2003 10:38 PM
Subject: Uma situação constante na vida do atleta
É lamentável termos que divulgar essa informação, mas somos obrigado a levantar 
a questão porque os atletas não podem ficar prejudicados. Sempre digo que as 
obrigações hão de ser recíprocas, ou seja, o jogador tem que cumprir as ordens 
estabelecidas e o dirigente com o pagamento do salário do mesmo.
E o atraso de salário vem acontecendo como uma certa freqüência no basquete 
brasileiro. Domingo divulgamos que a equipe líder do campeonato (Uberlândia) 
está com dois meses atrasados, e agora, segundo informações fidedignas, o outro 
time que tem o mesmo patrocinador da equipe de Uberlândia, o time de Goiânia, 
está indo para o segundo mês de atraso. Mais precisamente, esse segundo mês 
vencerá daqui a dois dias, ou seja o mês do atleta não tem mais 30 dias.
Esses fatos não condizem que magnitude da estrutura de ambas equipes. Algo de 
muito grave deve estar acontecendo, pois os dirigentes responsáveis pelas 
equipes são pessoas que sempre tiveram como princípio cumprir comas suas 
obrigações em dia.
Sem mais,
Bruno Lima
Administrador do Diário do Basquete
PS: O texto foi publicado no Diário do Basquete. Caso alguém queira prestar 
esclarecimento sobre os fatos, estaremos sempre à disposição.
--------------------------------------------------------------------------------
Esta mensagem foi verificada pelo E-mail Protegido Terra.
Scan engine: VirusScan / Atualizado em 12/02/2003 / Versão: 1.3.13
Proteja o seu e-mail Terra: http://www.emailprotegido.terra.com.br/ 
[As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]
<Anterior em Tópico] Tópico Atual [Próximo em Tópico>
  • Fw: Uma situação constante na vida do atleta, Alcir Magalhaes Filho <=

© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.